sexta-feira, 13 de fevereiro de 2015

Famiglia Bellarroba: a "xicrona" do nonno.


Outra tira autobiográfica: minha avó, mesmo já com bastante idade ainda tinha o costume de ter um urinol de ágata debaixo da cama. Era comum, no meio da noite, a gente ouvir o barulho do penico batendo, quando manuseado. Meu primo Toninho, já falecido, que era um cara muito gozador, deboxava: "Ê,vó, já vai pegar a 'xicrona'?"  Ele achava que o formato do urinol lembrava uma xícara grande (xicrona).

Nenhum comentário: